Instituto da Pele - Home

news

Leucodermia gutata (sarda branca) O que é?

Leucodermia gutata (sarda branca) O que é?

A leucodermia gutata é uma lesão causada pela ação acumulativa da radiação solar sobre áreas de pele expostas ao sol de forma prolongada e repetida ao longo da vida, provocando alterações nos melanócitos (células da pele responsáveis pela pigmentação). A leucodermia gutata caracteriza-se por manchas brancas, pequenas, de 1 a 5 mm de tamanho, arredondadas ou poligonais, que atingem os braços e as pernas nas áreas de exposição ao sol.

A grande novidade está no tratamento. Até há pouco tempo essa patologia não tinha opçōes de tratamentos com bons resultados. Agora uma nova técnica, através de uma máquina específica, é injetado medicamentos na pele, mancha por mancha, com ótimos resultados.
IMPORTANTE: uso de fotoprotetores sempre que se expor a pele ao sol, de modo a evitar mais dano solar à pele e o surgimento de novas lesões.

QUEDA CABELOS? CABELOS FRACOS? DIMINUIÇÃO DA ESPESSURA DOS FIOS?

QUEDA CABELOS? CABELOS FRACOS? DIMINUIÇÃO DA ESPESSURA DOS FIOS?

Essas queixas são algumas das mais comuns em consultórios dermatológicos.
O que chama a atenção são as inúmeras novidades existentes para evitar um transplante capilar em pacientes com alopécia androgenética.
Além os medicamentos mais antigos, conhecidos por todos, como finasterida, minixidil e pantogar, destaca-se a fototerapia, microagulhamento, drug delivery e vários outras novidades!
Importante é primeiro descobrir a causa, através da história, exame físico e exames complementares, para posteriormente indicar o melhor tratamento possível e assim aumentar a chance de sucesso.

BIOPLASTIA DE QUEIXO E MANDÍBULA (SEM CIRURGIA)

BIOPLASTIA DE QUEIXO E MANDÍBULA (SEM CIRURGIA)

Os famosos preenchimentos de Sulco Nasogeniano ("bigode chinês") e lábios, ganharam novos aliados.
Um dos maiores destaques recentes do mundo da dermatologia estética são as inúmeras possibilidades da bioplastia, através da técnica MD CODES. Técnica que se utiliza uma substância (ácido hilurônico) para repor volume, dar contorno facial, minimizar aspecto de flacidez, corrigir nariz ou queixo, olheiras, dentre outras possibilidades.
Técnica criada e patentiada pelo Cirurgião Plástico brasileiro, Dr. Maurício de Maio, sucesso no mundo, ainda encontrada em poucas clínicas no Brasil.
Com a minha experiência posso atestar: Desde que adotei a técnica, notei um aumento muito grande da satisfação dos pacientes pela naturalidade dos resultados aliado ao tratamento de queixas antes só possíveis com cirurgia.
Ou seja, sem afastamento das atividades, com mínimos risco e grandes resultados além de ser totalmente reversível caso o paciente não goste. O que seria muito difícil com uma cirurgia.

A pele merece cuidados o ano todo

A pele merece cuidados o ano todo

Seguir um ritual de cuidados com a pele garante saúde e beleza. Muita água e uma boa alimentação são a receita para estar sempre saudável. Também é importante evitar a exposição excessiva ao sol, bem como o consumo de álcool e de cigarro.

A atenção com a pele muda de acordo com a época do ano, mas a mesma demanda cuidados durante todo o ano. A pele tende a ficar mais oleosa no verão devido à secreção sebácea, razão pela qual talvez seja necessário trocar o tipo de hidratante utilizado e intensificar a aplicação do filtro solar, muitas vezes com toque seco. No inverno, ao contrário, é preciso reforçar a hidratação, mas sem descartar a proteção contra o sol. A faixa etária é outro fator relevante para a escolha adequada de procedimentos e produtos.

Para manter a boa aparência e o aspecto jovem, é importante seguir um calendário de cuidados. Os objetivos são evitar doenças, acne, manchas, rugas, envelhecimento precoce e ressecamento.

Cuidados diários
• Lavar o rosto com sabonete adequado para o tipo de pele
• Tonificar a pele para equilibrar o pH e intensificar a limpeza
• Hidratar com produtos adequados para o tipo de pele
• Usar filtro solar e reaplicar ao longo do dia
• Sempre remover bem a maquiagem antes de dormir
• Após os 25 anos, idade em que a pele começa a envelhecer, é preciso nutri-la com produtos apropriados

Cuidados semanais
• Esfoliar manualmente a pele, contanto que não esteja com feridas ou irritada
• Realizar fototerapia com o intuito de prevenir e tratar manchinhas, acne, rugas e o envelhecimento

Cuidados mensais
• Se a pele é oleosa, realizar limpeza profissional uma vez por mês
• Se a pele é normal ou seca, o ideal é realizar limpeza a cada dois ou três meses
(Isso ajuda na absorção dos princípios ativos e nutrientes dos cremes diários. A limpeza de pele profissional inclui a utilização dos aparelhos de vapor de ozônio e alta freqüência e aplicação de máscara específica no final).
• Pode-se realizar luz intensa pulsada uma vez por mês com o intuito de tratar ou prevenir manchas e vasinhos
• Pode-se realizar radiofreqüência uma vez por mês com o intuito de tratar ou prevenir a flacidez
• Alguns peelings químicos ou mecânicos também podem ser realizados mensalmente para renovar e revitalizar a pele, bem como minimizar os poros dilatados

Cuidados anuais ou pontuais
• Realizar tratamentos para prevenir e tratar manchas e flacidez, como laser de CO2 fracionado e radiofreqüência fracionada
• Realizar tratamentos contra rugas de expressão, como é o caso do Botox®
• Realizar preenchimentos faciais quando indicado para vincos, rugas ou área com perda de volume, como lábios
• Buscar a ajuda profissional sempre que identificar “algo estranho” na pele

Dicas para cuidar da pele

Dicas para cuidar da pele

Os cuidados com a pele dependem muito do tipo de pele. No entanto, existem alguns cuidados básicos que devem ser sempre considerados, independente do tipo de pele que se tem (oleosa, seca, mista, jovem, madura, sensível).

O conjunto de 5 atividades comuns a todos os tipos de pele são:
1) Limpar
É muito importante limpar a pele corretamente, pois a limpeza remove a sujidade, o excesso de óleo e ajuda no processo de renovação das células. É aconselhável o uso de sabonetes apropriados para o tipo de pele (líquidos ou em barra), com massagens suaves para limpar bem os poros e uso de água corrente para enxaguar bem. Deve-se secar levemente, sem friccionar a toalha. Esse processo deve ser feito duas vezes ao dia, ao acordar e antes de dormir.
2) Tonificar
Esta etapa complementa a limpeza, eliminando os últimos vestígios de impurezas e maquiagem, assim como restaura o pH e fortalece o tônus da pele.
3) Hidratar
Sobre a pele limpa, tonificada e um pouco úmida deve ser aplicado um hidratante adequado. O produto deve ser aplicado batendo com a ponta dos dedos, até que seja absorvido.
4) Esfoliar
A esfoliação remove as células mortas da superfície e o excesso de óleo, que faz com o que os poros fiquem obstruídos, com que surjam cravos e espinhas, além de tornar a absorção de cosméticos mais difícil. O rosto deve ser umedecido com água e um pouco de creme esfoliante facial deve ser colocado no nariz, queixo e testa. Através de movimentos circulares massagear delicadamente a pele com a ponta dos dedos, evitando a área dos olhos. Lavar o rosto removendo o produto.
Deve-se realizar a esfoliação uma vez por semana ou quinzenalmente, dependendo da pele.
5) Proteger contra o sol
O uso de um protetor solar adequado é uma das partes mais importantes da rotina de cuidados diários com a pele. Leia Proteção Solar (linkar).

Outras dicas valiosas que irão contribuir para a saúde da sua pele:
- nunca dormir com maquiagem.
- evitar o excesso de açúcar.
- beber bastante água.
- evitar o cigarro.
- evitar a exposição solar excessiva.
- fazer limpezas de pele profissionais periodicamente.
- visitar o dermatologista periodicamente.

Proteção solar

Proteção solar

A exposição à radiação ultravioleta (UV) tem efeito cumulativo e penetra profundamente na pele, sendo capaz de provocar diversas alterações, como o bronzeamento e o surgimento de pintas, sardas, manchas, rugas e outros problemas. A exposição solar em excesso também pode causar tumores benignos (não cancerosos) ou cancerosos, como o carcinoma basocelular, o carcinoma espinocelular e o melanoma.
Na verdade, a maioria dos cânceres da pele está relacionada à exposição ao sol, por isso todo cuidado é pouco. Ao sair ao ar livre procure ficar na sombra, principalmente no horário entre as 10h e 16h, quando a radiação UVB é mais intensa. Use sempre protetor solar com fator de proteção solar (FPS) de 25 ou maior. Cubra as áreas expostas com roupas apropriadas, como uma camisa de manga comprida, calças e um chapéu de abas largas. Óculos escuros também complementam as estratégias de proteção.

Sobre os protetores solares
Os fotoprotetores, também conhecidos como protetores solares ou filtros solares, são produtos capazes de prevenir os males provocados pela exposição solar, como o câncer da pele, o envelhecimento precoce e a queimadura solar.
O fotoprotetor ideal deve ter amplo espectro, ou seja, ter boa absorção dos raios UVA e UVB, não ser irritante, ter certa resistência à água, e não manchar a roupa. Eles podem ser físicos ou inorgânicos e/ou químicos ou orgânicos. Os protetores físicos, à base de dióxido de titânio e óxido de zinco, se depositam na camada mais superficial da pele, refletindo as radiações incidentes. Eles não eram bem aceitos antigamente pelo fato de deixarem a pele com uma tonalidade esbranquiçada, mas isso tem sido minimizado pela coloração de base de alguns produtos. Já os filtros químicos funcionam como uma espécie de “esponja” dos raios ultravioletas, transformando-os em calor.

Um fotoprotetor eficiente deve oferecer boa proteção contra a radiação UVA e UVB. A radiação UVA tem comprimento de onda mais longo e sua intensidade pouco varia ao longo do dia. Ela penetra profundamente na pele e é a principal responsável pelo fotoenvelhecimento e pelo câncer da pele. Já a radiação UVB tem comprimento de onda mais curto e é mais intensa entre as 10h e 16h, sendo a principal responsável pelas queimaduras solares e pela vermelhidão na pele.
Pessoas de pele clara, que se queimam sempre e nunca se bronzeiam, geralmente aqueles com cabelos ruivos ou loiros e olhos claros, devem usar protetores solares com FPS 15, no mínimo.
O FPS mensura a proteção em relação aos raios UVB. Já em relação aos raios UVA, sua proteção pode ser mensurada em estrelas, de 0 a 4, onde 0 é nenhuma proteção e 4 é altíssima proteção UVA, ou em números: < 2 não há proteção UVA; 2-4 baixa proteção; 4-8 média proteção, 8-12 alta proteção e > 12 altíssima proteção UVA. Procure por esta classificação ou por valor de PPD nos rótulos dos produtos.

Como escolher um fotoprotetor?
Verificar o FPS, o PPD e também se o produto é resistente ou não a água. A nova legislação de filtros solares exige que tudo que o produto anunciar no rótulo, deve ter testes comprovando a eficácia. Outra mudança é que o valor do PPD, que mede a proteção UVA, deve ser sempre no mínimo um terço do valor do FPS.
Pacientes com pele oleosa e com tendência a acne devem optar por protetores solares não comedogênicos e com efeito matificante.
O produto deve ser aplicado ainda em casa e reaplicado ao longo do dia a cada 2 horas, se houver muita transpiração ou exposição solar prolongada. Nenhuma área do rosto ou corpo deve ficar desprotegida. O filtro solar deve ser usado todos os dias, mesmo quando o tempo estiver frio ou nublado, pois a radiação UV atravessa as nuvens.
É importante lembrar que usar apenas filtro solar não basta. É preciso complementar as estratégias de fotoproteção com outros mecanismos, como roupas, chapéus e óculos apropriados. Também é importante consultar um dermatologista regularmente para uma avaliação cuidadosa da pele, com a indicação do produto mais adequado.

Microagulhamento e indução de colágeno

Microagulhamento e indução de colágeno

O Dermaroller® é um estímulo mecânico à produção de colágeno realizado por meio do rolamento de um cilindro com micro agulhas, que provocam micro lesões da pele. Rejuvenescimento, cicatrizes de acne e estrias são as principais indicações deste tratamento tão efetivo e inovador.
O tecido é reestruturado e as células mortas eliminadas, deixando a pele mais resistente e com uma aparência mais uniforme. Por meio deste procedimento, a quantidade de colágeno aumenta consideravelmente.
Mulheres e homens que desejem suavizar linhas e rugas de expressão, clarear manchas, amenizar cicatrizes provocadas pela acne ou atenuar estrias podem realizar o tratamento. O mesmo é realizado em consultório, pelo médico, sem necessidade de internação. Antes do procedimento, um creme anestésico é aplicado na pele. O paciente poderá sentir picadas no local e ter micro-sangramentos, não havendo perda de sangue. Em algumas regiões específicas pode ser feita a anestesia local. Após o procedimento, é aplicada uma máscara com fatores de crescimento, potencializando o resultado final. O uso de filtro solar com fator 30 (no mínimo) é obrigatório pós-procedimento. Aproximadamente dois dias após, a pele pode apresentar vermelhidão (hiperemia) e a utilização de maquiagem só está liberada após 24 horas do tratamento.
Como a pele sofre micro lesões, alguns efeitos indesejados podem incluir infecção, herpes, cicatriz ou, em pacientes com propensão, formação de quelóide (cicatriz endurecida e saliente). Após avaliação médica, o profissional deve esclarecer as dúvidas do paciente e determinar um número médio de sessões necessárias. Geralmente, já é possível obter resultados excelentes com 3 sessões realizadas com 30 a 60 dias de intervalo. Algumas celebridades, como Angelina Jolie e seu marido Brad Pitt, são adeptos do uso do Dermaroller® para manter a pele impecável e uma aparência saudável.

Laser de CO2 Fracionado

Laser de CO2 Fracionado

O laser de CO2 fracionado reduz consideravelmente manchas e rugas leves e suaviza rugas profundas, podendo ser aplicado em qualquer área da pele. Pode ser feito o tratamento intenso, com grande densidade de pontos atingidos pelo laser, ou o mais suave. Os resultados aparecem logo após a recuperação e uma vez que a remodelação do colágeno leva de quatro a seis meses para se completar, a pele continua a melhorar por meses. Tem excelentes resultados quando usado para o rejuvenescimento facial, tratamento de cicatrizes de acne, suavização de manchas, flacidez e rugas. Além do tratamento rejuvenescedor, o laser CO2 é também eficaz no tratamento de estrias. A exposição ao sol deve ser evitada por um mês após cada sessão de tratamento e o número de sessões, que varia de uma a quatro, depende de cada caso.